Aprenda a usar a vírgula corretamente

Aprenda a usar a vírgula corretamente
Veja como inserir da maneira certa a vírgula no texto

Dicas práticas para não errar mais na hora de escrever

Por Tao Consult  

Os sinais de pontuação assinalam pausas, entonação, separam palavras, expressões e orações, além de esclarecer o sentido da frase durante a leitura. No caso da vírgula, indica breve pausa. É usada não só para separar elementos de uma oração, mas também orações de um período. A vírgula indica que a voz fica em suspenso, à espera de que o período se complete. Confira abaixo alguns dos usos mais comuns: 

  • Separa os elementos mencionados numa relação.  

Exemplo: A chácara possui além da sede, uma casa de caseiro, cavalos e muitos outros animais. 

  •  Isola o aposto.  

Exemplo: José, nome bastante comum, ainda é muito usado. 

  • Isola o vocativo.  

Exemplo: Carlinhos, largue já este pirulito! 

  • Isola o adjunto adverbial antecipado.  

Exemplo: Ontem à noite, finalmente conseguimos jantar juntos. 

  • Isola elementos repetidos.  

Exemplo: Estão completamente isolados, isolados e sem alimentos. 

  • Separa, nas datas, o nome do lugar.  

Exemplo: São Paulo, 5 de maio de 1957. 

  • Isola as orações coordenadas, à exceção das introduzidas pela conjunção e.  

Exemplo: Não consegui completar a tarefa pela manhã, pois tive que sair. 

  • Isola orações intercaladas.  

Exemplo: Mãos ao alto, gritou o policial. 

  • Isola as orações subordinadas adjetivas explicativas.  

Exemplo: Márcia, que não é nenhuma “Brastemp”, pensa estar “abafando”. 

  • Isola palavras e expressões explicativas, tais como: por exemplo, isto é, ou melhor, aliás, além disso etc.  

Exemplo: O Fernando me telefona diariamente, aliás, várias vezes ao dia. 

  • Isola os adjuntos adverbiais.  

Exemplo: A fumaça foi, aos poucos, se dissipando. 

  • Separa as orações reduzidas de gerúndio, de particípio e de infinitivo, sempre que equivalentes à orações adverbiais.  

Exemplo: Apresentados os termos, mantenho minha posição. 

  • Indica a elipse de um elemento da oração.  

Exemplo: É difícil saber em quem acreditar. O Antônio diz que não recebeu o troco, o Francisco, que ele ficou com o dinheiro. 

  • Separa o paralelismo de provérbios.  

Exemplo: Quem com ferro fere, com ferro será ferido. 

  • Após a saudação em correspondência comercial ou social.  

Exemplo: Atenciosamente, Antônio Castro. 

Redação EdiCase

Redação EdiCase

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *