Cuidados com bebês recém-nascidos nos primeiros dias

Cuidados com bebês recém-nascidos nos primeiros dias
O bebê-recém nascido exige diversos cuidados (Imagem: Shutterstock)

Segundo os psicólogos, o maior trauma que passamos é o parto. Imagine um bebê que cresce durante 40 semanas envolvido pela mãe, recebendo todos os nutrientes necessários para a sobrevivência e desenvolvimento a cada batimento cardíaco. Ao final da gestação ele é “arrancado” para o meio externo, sendo em seguida cortado o cordão umbilical, seu elo com aquela que o gerou e o protegeu até então.  

Além disso, há fortes lâmpadas na sala de parto. Para completar o quadro, introduz-se uma sonda através do seu nariz para aspirar secreções e pinga-se em seus olhinhos uma substância tóxica (nitrato de prata), para evitar a oftalmia neonatal (também chamada de conjuntivite neonatal). Traumatizante ou não? 

Aprendendo a mamar  

Muitas vezes, principalmente nos primeiros dias, o bebê não consegue mamar, mas a mãe não deve se desesperar, pois não é por falta de leite. Isso ocorre porque ele ainda não sabe mamar. O pequeno necessita de um processo de aprendizado, que depende da compreensão e paciência da mãe.  

Receba as novidades sobre Saúde e Bem-estar, Astrologia, Beleza, Culinária e muito mais!

Sono irregular do bebê

O sono também é um grande desafio enfrentado por pais e recém-nascidos. Bebês normais dormem quase 24 horas por dia no início. O problema é que nem sempre ocorre coordenação entre seu sono e o da mãe.  

Por esse motivo, é interessante que a mãe comece um processo de disciplina, oferecendo os seios em horários mais ou menos fixos durante o dia e, durante a noite, mude para o processo de livre demanda. Seu bebê logo vai descobrir o que é dia e o que é noite. 

Mulher segurando bebê recém-nascido no colo e com uma manta por baixo
O sono do bebê é um desafio nos primeiros dias de vida (Imagem: Shutterstock)

Surgimento de brotoejas 

Outro fator que incomoda o bebê são as irritações da pele. As brotoejas ocorrem quando o bebê está mais aquecido do que o necessário. Isso porque suas glândulas sudoríparas ainda não estão bem formadas, ocasionando micropápulas com suor em seu interior. Para evitá-las, é necessário agasalhar menos o bebê, e o tratamento é feito com loções hidratantes neutras.  

Evitando as assaduras 

As assaduras podem ocorrer por demora na troca das fraldas, irritação por tecidos, entre outros motivos. Para evitá-las, opte por produtos neutros, sem perfumes, corantes ou conservantes.  

Cuidado com as visitas  

As visitas devem ser evitadas. Amigos visitam o bebê na maternidade, em visitas rápidas ou após o bebê ter completado seis meses. Seu bebê nasce com pouca proteção contra os germes, que recebeu da mãe durante a gestação.  

Qualquer resfriado pode ser extremamente desagradável para o bebê, com riscos de complicações graves. Se mesmo assim ele contrair alguma infecção, entre em contato com seu pediatra, ele poderá dizer como agir.  

Por Dr. Sylvio Renan Monteiro de Barros  

Autor do livro Seu bebê em perguntas e respostas – do nascimento aos 12 meses. Médico formado em 1974 pela Faculdade de Medicina do ABC. Especializou-se em pediatria na Unifesp/EPM, obtendo em seguida título pela Sociedade Brasileira de Pediatria. Atuou por quase 30 anos no Pronto -Socorro Infantil Sabará. Foi diretor técnico do Hospital São Leopoldo, cargo que deixou para se dedicar ao seu consultório, à MBA Pediatria e à literatura médica para leigos 

Redação EdiCase

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.