Saiba por que beber água é importante para a saúde

Saiba por que beber água é importante para a saúde
Água é essencial para o funcionamento do corpo (Foto: Adobe Stock)

Conheça os benefícios que ela proporciona ao organismo e as recomendações para o consumo

O corpo humano é composto 70% por água. Como nosso corpo elimina esse líquido através da urina, das fezes, da transpiração, da respiração e de outros meios, nós precisamos ingerir mais água para equilibrar a quantidade normal circulando em nosso organismo.

> Remédios para emagrecer provocam riscos à saúde

De acordo com a nutricionista Joana Lucyk, a água é importante para o funcionamento de diversas funções do nosso corpo. “A manutenção da homeostasia, que é a promoção do meio onde ocorre os processos bioquímicos e metabólicos; a lubrificação de tecidos com articulações e serosas; composição de líquidos digestivos, respiratórios e excretórios; manutenção da temperatura corporal e transporte de gases, nutrientes e metabólitos são as principais funções exercidas pela água”, enumera.

Essencial para trocas de nutrientes e dejetos

A nutricionista também explica que as trocas de nutrientes e dejetos entre o sangue e os tecidos são realizadas por uma extensão de capilares, equivalente a cerca de 700 m². “As trocas requerem a presença da água, como o meio nobre em que as células realizam as suas funções”, explica.

“A permanência da água nos diferentes compartimentos do organismo depende, por sua vez, da presença de um teor adequado de diversos eletrólitos, como o cálcio, magnésio, sódio, potássio, cloretos e fósforo”, acrescenta a nutricionista.

> Três segundos de exercício por dia fortalecem os músculo

Quantidade adequada de água

Assim como o nosso corpo nos faz sentir fome para que providenciemos nossa alimentação, ele também nos dá a sensação de sede, fazendo com que busquemos água ou algum outro líquido que a contenha para nos saciar. O importante é prestar atenção nos sinais do corpo para manter esse equilíbrio.

Para avaliar se estamos ingerindo a quantidade de água necessária basta observar a cor de nossa urina, que deve estar sempre clara, aconselha a nutricionista Gabriela Taveiros. “Além disso, a hidratação adequada garante unhas, pele e cabelos mais bonitos e saudáveis”.

Importante prestar atenção aos sinais do corpo para manter o equilíbrio (Foto: shutterstock)

Tipos de água

Normalmente podemos encontrar três tipos diferentes de água comercializados: a mineral, que é subterrânea; a purificada de sais, que é a água de torneira, tratada artificialmente; e a natural, que é semelhante a mineral, mas não possui as mesmas propriedades.

“A água mineral é potável, rica em minerais, que lhe dá uma qualidade terapêutica e é própria para o consumo humano. A de torneira não é própria para consumo humano, apesar de ter sido tratada para se tornar potável. Em países desenvolvidos, como o tratamento é muito seguro, muitas vezes essa água é engarrafada e consumida pelos indivíduos. Já a natural, pode ou não ser potável, dependendo se está contaminada ou não”, explica a nutricionista Joana Lucyk.

> O que é pilates? Conheça a prática e seus benefícios

Tratamento da água

De acordo com a nutricionista Gabriela Taveiros, para garantir a qualidade da água, ela deve passar por estações de tratamento onde será submetida a diversos processos. “Basicamente, o tratamento tem as seguintes fases: decantação, filtração e cloração”, enumera.

A água tem prazo de validade?

A nutricionista Joana Lucyk explica que a água, quando encontrada na natureza, em sua origem, não tem prazo de validade, mas a partir do momento que foi engarrafada, sim. “O tempo de validade varia de acordo com o tipo de material utilizado para a embalagem”, esclarece.

> O poder da alimentação no controle do colesterol

Recomendações de transporte e comércio

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) define regras para o transporte e o comércio de água. Os veículos e locais de armazenamento devem estar limpos e cobertos para evitar a luz solar ou a umidade da chuva. Se essas normas não forem obedecidas, a qualidade da água pode ser comprometida, propiciando a proliferação de algas e microrganismos que podem provocar mal-estar, diarreia e vômito.

Conheça a alimentação saudável vegana

Redação EdiCase

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *