E-commerce: entenda como funciona o comércio eletrônico

E-commerce: entenda como funciona o comércio eletrônico
As vendas pela internet são excelentes para quem está começando (Imagem: Shutterstock)

Quando foi criado, o termo “e-commerce” enquadrava qualquer tipo de comércio de produto ou serviço que envolvesse transação financeira. “A internet diversificou as opções de comércio eletrônico; apesar de vermos hoje uma maior associação às lojas virtuais, podemos ainda incluir clubes de assinatura, programas de afiliados, cursos, serviços etc.”, explica Alexandre Caporal, especialista em SEO na Caporal Mkt Digital.

A venda pela internet se tornou um excelente canal para quem está começando e para quem já tem tradição no mercado. Saber usar corretamente as mídias sociais e as plataformas digitais é fundamental para efetivar clientes e tornar o produto e a marca conhecidos.

Benefícios do e-commerce

O e-commerce é vantajoso tanto para quem vende quanto para quem compra. É, na verdade, uma grande loja virtual, onde são encontrados produtos e serviços para venda on-line. “O consumidor tem muitos benefícios ao consumir on-line, pois ele consegue pesquisar preços com mais facilidade, parcelar em mais vezes e ter mais opções”, afirma Fabio Ricotta, CEO da Agência Mestre e especialista em marketing digital de performance.

Receba as novidades sobre Saúde e Bem-estar, Astrologia, Beleza, Culinária e muito mais!

Vendas on-line sem site

Se está começando e ainda não tem um site próprio, pode aproveitar os benefícios das redes sociais para vender seu produto. “Instagram, WhatsApp e Facebook possuem cases de empreendedores que usam esses meios para vender produtos e até mesmo serviços on-line”, evidencia Fabio Ricotta.

Entenda o seu público

A fim de entender melhor qual é a rede mais adequada para o negócio, torna-se necessário conhecer o público a ser atingido. “O primeiro passo é realmente entender o seu consumidor através do uso da ferramenta de persona. Esta ferramenta permite que você defina claramente quem é o seu público-alvo, listando quais as necessidades e as dores daquela audiência”, analisa o CEO.

Mulher sentada trabalhando com o notebook aberto, escrevendo em um papel em cima da mesa e com uma xícara ao lado
Invista na criação de uma plataforma e-commerce (Imagem: Shutterstock)

Invista de acordo com suas possibilidades

Para entrar no comércio eletrônico não é necessário um grande investimento inicial. Atualmente, existem plataformas que permitem você anunciar produtos e que já oferecem o suporte completo relacionado a pagamento.

“No entanto, se quiser trabalhar de forma profissional pela internet, terá de criar um site e contratar ou investir na criação de uma plataforma de e-commerce, a qual permitirá você fazer vendas on-line com todo o suporte necessário ao consumidor”, explica o CEO Fabio Ricotta.

Aposte na divulgação

Também é possível optar por ferramentas de divulgação do seu produto ou serviço. “Através de campanhas de links patrocinados no Google, Facebook e outras fontes, além de investir em otimização de sites, para deixar melhor posicionado nos resultados de pesquisa do Google”, sugere Fábio Ricotta.

Escolhendo as plataformas

Alexandre Caporal recomenda que se tenha um planejamento a médio e longo prazo, além de avaliar cada plataforma segundo a necessidade da marca. “Para tentar direcionar prazo, além de avaliar, você pode pensar em critérios como suporte, integrações, funcionalidade, formas de pagamento, custos, segurança etc.”, aconselha.

Dessa forma, é necessário questionar qual é o seu nicho de mercado, quem são os concorrentes, qual o seu diferencial, a aceitação no mercado, entender o público-alvo, quais os problemas que espera solucionar, como deseja ser conhecido e qual o investimento inicial. “Quando estiver pronto para responder a essas perguntas, vai ser muito mais fácil começar, pois terá direcionado suas possibilidades”, indica.

Matilde Freitas

Jornalista, geminiana e vegetariana. Possui mais de 8 anos de experiência no mercado editorial. Além de produzir diversos conteúdos para EdiCase Publicações e Portal EdiCase, escreve para revistas e sites ligados ao veganismo e ao empoderamento feminino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.