Saiba como a alimentação influencia na saúde dos cabelos

Saiba como a alimentação influencia na saúde dos cabelos
Cuidar do corpo ajuda a ter cabelos mais saudáveis (Imagem: Shutterstock)

Tratar os cabelos com cremes específicos, hidratações e evitar químicas, é fundamental. Contudo, cuidar do corpo é um passo importante para conquistar fios bonitos e saudáveis. Segundo Renata Ayd, dermatologista e pós-graduada em medicina estética, as dietas influenciam diretamente na saúde dos cabelos. Inclusive, algumas acabam se tornando a causa principal da queda de cabelo.

De acordo com a profissional, quando o aporte nutricional é diminuído, os cabelos e unhas que estão sempre em crescimento deixam de receber a mesma quantidade de nutrientes. “Isso provoca a queda, diminuição da hidratação e da velocidade de crescimento”, alerta.

Alimentos que melhoram a saúde capilar

Alguns alimentos têm poderes incríveis e podem trazer resultados brilhantes para os cabelos. “O ômega 3, por exemplo, deixa os cabelos com mais brilho e mais sedosos. Várias vitaminas, como a B5 e a B12, também atuam positivamente nos fios”, cita a dermatologista Michele Haikal, formada em Medicina pela Univás e em Dermatologia Clínica, Estética e Cirúrgica na Harvard Medical School.

Receba as novidades sobre Saúde e Bem-estar, Astrologia, Beleza, Culinária e muito mais!

Como fortalecer os cabelos?

A dermatologista Renata Ayd ressalta que a vitamina C, a biotina e o colágeno também são importantes para cabelos saudáveis. “Além das vitaminas citadas, pode ser necessário tratamento hormonal em alguns casos de queda”, ressalta. Além disso, também é importante o consumo adequado de água.

Mulher sorrindo e segurando metades de laranja com as mãos
A vitamina C tem papel importante na saúde capilar (Imagem: Shutterstock)

Cabelos são reflexo da saúde

Cabelos bonitos, são cabelos saudáveis. Por isso, é preciso cuidar da saúde como um todo. Se falta algum nutriente para o corpo, por exemplo, os fios podem ser prejudicados. Conforme explica a dermatologista Michele Haikal, para o organismo, o cabelo não é tão importante quanto a parte vital.

“Então, se todos se mantiverem saudáveis, com alimentação adequada, mantendo seus níveis de cortisol (hormônio do estresse) adequados, com um bom estilo de vida, os cabelos bonitos serão consequência”, analisa a profissional.

Alimentos que não fazem bem para os fios

De acordo com Michele Haikal, existem alimentos que não fazem bem para a saúde de um modo geral, e, consequentemente, não fazem bem para a saúde capilar, são eles: agrotóxicos, gordura trans, glúten, lácteos, conservantes e refrigerantes.

Mudanças nos fios

Não existe uma idade para começar a se preocupar com os fios, mas cada fase exige sua atenção. “Na adolescência, há uma mudança grande no padrão dos fios, que costumam afinar quando os hormônios afloram. Aqueles cabelos mais hidratados e fáceis de pentear da infância, tendem a ficar mais ressecados”, explica Renata Ayd.

Outra fase que exige um pouco mais de atenção é entre os 25 e 30 anos. “Costuma começar uma baixa hormonal em função do organismo priorizar o cortisol por conta do estresse, e aí a necessidade de prevenção da queda e/ou fraqueza dos fios com suplementação adequada, de acordo com os exames e história de cada paciente”, completa Michele Haikal. Por isso, além de investir em bons produtos para os cabelos, é necessário cuidar da alimentação, praticar atividade física e procurar formas de reduzir o estresse.

Matilde Freitas

Jornalista, geminiana e vegetariana. Possui mais de 8 anos de experiência no mercado editorial. Além de produzir diversos conteúdos para EdiCase Publicações e Portal EdiCase, escreve para revistas e sites ligados ao veganismo e ao empoderamento feminino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.