Conheça os tipos de alongamento e veja os benefícios para o corpo

Conheça os tipos de alongamento e veja os benefícios para o corpo
Alongamento ajuda a corrigir a postura (Imagem: Shutterstock)

A postura adequada evita dores na coluna, melhora a autoestima, a elasticidade e até deixa a pessoa mais elegante. O que você talvez não saiba é que erros de postura podem, às vezes, ser facilmente corrigidos por meio do alongamento. 

“Alongar-se é sempre indicado, já que corrige a postura e fortalece os músculos de forma equilibrada, atuando em todo o corpo”, explica Alessandra Dianin, profissional de educação física com especialização em Biomecânica. 

O que é o alongamento?   

Segundo Alessandra Dianin, o alongamento “é composto por uma série de exercícios que trabalha a musculatura e postura corporal na parte cervical, coluna, membros e região pélvica, além de torácica e lombar. Relaxar o corpo, possuir uma postura correta, melhorar a circulação sanguínea e diminuir dores e desconfortos musculares, isto é o alongamento”. 

Benefícios em todas as idades  

Alongar é um ato simples e agradável e pode ser feito por qualquer pessoa, desde que não tenha alguma inflamação aguda. “A forma mais comum de alongamento é o ato de espreguiçar, pois expressa uma condição fisiológica dos seres vivos. Contudo, sistematizar os exercícios (horário, tipos, número e tempo das repetições) faz aumentar bastante a efetividade”, conta o fisiologista Renato André Silva. 

Mulher alongamento peito e coluna no chão
Há dois tipos de alongamento: o estático e o dinâmico (Imagem: Shutterstock)

Tipos de alongamento 

De acordo com Alessandra Dianin, existem dois tipos de alongamento: 

Estático 

No alongamento estático, a pessoa vai até uma determinada posição, permanece alguns segundos e retorna à posição original. Se o objetivo for aquecimento para diminuir a rigidez dos músculos, o alongamento estático é o mais indicado, pois aumenta a temperatura do corpo. 

Dinâmico 

No alongamento dinâmico, a pessoa vai para a posição de alongamento lentamente e, sem parar, retorna lentamente. Se o foco for relaxar ou desenvolver a flexibilidade, o ideal é um alongamento dinâmico. 

Como realizar os alongamentos?

Se você quiser fugir da monotonia, pode fazer os dois tipos de alongamento ao mesmo tempo. Se optar por esse método, comece com o estático e prossiga com o dinâmico.  

“Para não ter um alongamento monótono, seja antes ou depois do treino, o ideal é apostar em associar os exercícios aeróbios com a atividade. O aluno pode optar por uma corridinha, pausar e alongar; realizar saltitos, pausar e alongar”, sugere Alessandra Dianin. 

Matilde Freitas

Jornalista, psicanalista e vegetariana. Possui mais de 8 anos de experiência no mercado editorial. Além de produzir diversos conteúdos para EdiCase Publicações e Portal EdiCase, escreve para revistas e sites ligados ao veganismo e ao empoderamento feminino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *