6 dúvidas sobre cuidados com as unhas

6 dúvidas sobre cuidados com as unhas
Alguns cuidados são importantes para unhas saudáveis e bonitas (Imagem: Shutterstock)

Confira as dicas das especialistas para ter unhas saudáveis e sempre bonitas

Para manter as unhas saudáveis é importante tomar alguns cuidados no dia a dia. Lixar e hidratar, por exemplo, são quase obrigatórios na rotina. Cada parte do nosso corpo merece atenção e tratamentos específicos. Por isso, veja a seguir os principais cuidados com as unhas e a importância de cada um deles. 

> 7 dúvidas sobre cuidados com a pele

Receba as novidades sobre Saúde e Bem-estar, Astrologia, Beleza, Culinária e muito mais!

1. Devemos tirar a cutícula? 

Essa é uma das maiores dúvidas que povoam o imaginário das mulheres brasileiras. Em muitos países esse hábito não existe, o que é muito bom, pois a cutícula existe para proteger nossa unha. Quando retiradas, elas podem abrir portas para micro-organismos e causar infecções. Por isso, as profissionais da unidade Swimex da rede de franquias Lady&Lord, Ester Chavier e Esteli Pereira, aconselham a empurrar a cutícula com uma espátula com cuidado.

2. Lixar faz bem ou mal? 

De acordo com a manicure Bruna de Souza, lixar o comprimento não tem contraindicações, pois depende muito do gosto de cada um, do comprimento da unha que mais agrada, do formato e de muitos outros fatores. Já as lixas polidoras, utilizadas na superfície da unha, auxiliam muito no embelezamento, mas seu uso é indicado por no máximo uma vez por semana ou a cada 15 dias, dependendo da estrutura das unhas.

Unhas saudáveis devem ficar um dia sem esmaltes para ficarem livres de substâncias químicas
Unhas saudáveis devem ficar um dia sem esmaltes entre as aplicações (Imagem: Shutterstock)

3. A unha precisa respirar? 

De acordo com a dermatologista Cristiane Dal Magro, em alguns casos, sim, é preciso ficar alguns dias sem esmalte nas unhas. “Em caso de unhas fracas e quebradiças, ou que estão com as extremidades ‘descolando’, é necessário ficar sem a utilização do esmalte por um período de 30 a 60 dias, dependendo do caso”, recomenda. 

Problemas permanentes de unhas fracas e que descamam devem ser observados por um dermatologista para que sejam feitos exames específicos. Já no caso de unhas saudáveis, a dermatologista recomenda ficar um dia sem esmalte entre as aplicações, para que fiquem livres de qualquer substância química na superfície. Nesse período é importante aplicar hidratantes nas mãos e nas cutículas.

> Conheça os efeitos da acne em diferentes fases da vida

4. Como fazer uma boa hidratação e manter as unhas fortalecidas? 

Em primeiro lugar, a hidratação essencial do nosso corpo deve vir de dentro para fora, bebendo bastante água e tendo uma alimentação saudável e balanceada. Mas, além disso, podemos hidratar a parte externa do nosso corpo, auxiliando na manutenção da saúde. 

Quando as unhas ficam ressecadas, tornam-se quebradiças, pois perdem a elasticidade. Para uma hidratação eficiente, a dermatologista Cristiane Dal Magro indica produtos à base de ureia, lactato de amônia e substâncias que impedem a desidratação local, como silicones.

“Por questão de praticidade, são indicados para uso antes de dormir, quando permanecemos mais horas sem lavar as mãos. Deve ser feita uma massagem suave nas unhas e nas cutículas”, ensina. 

> Entenda como o uso maquiagem vencida aumenta as chances de problemas na pele

5. Por que as unhas ficam fracas?

Podem existir diversas causas para unhas fracas, afirma Cristiane Dal Magro. “Se o problema for persistente, deve ser avaliado por um dermatologista, que poderá solicitar exames laboratoriais para verificar possíveis alterações sistêmicas que estejam causando anormalidades nas unhas”. Grande parte dos problemas do nosso organismo pode ser curada ou amenizada com uma alimentação saudável e balanceada, inclusive no caso de unhas fracas e quebradiças.  

6. O que são as manchas brancas nas unhas? 

Nosso organismo possui diversas maneiras de nos mostrar quando alguma coisa não está muito bem, e a unha pode demonstrar alguns sinais. As manchas brancas, também conhecidas por leuconíquia focal, podem aparecer por muitos motivos, como lesões causadas por atritos e o uso de produtos químicos como os detergentes e esmaltes, que podem deixar as unhas mais fracas. 

O uso de antibióticos também pode favorecer o aparecimento dessas manchas e pessoas que se exercitam e fazem movimentos repetitivos constantes podem também vir a apresentar manchas nas unhas. Mas a causa mais comum é a falta de nutrientes no organismo como ferro, zinco, a vitamina A, B3, B6 e B12.

Em cada caso, o tipo de mancha é diferente e para reverter o quadro é necessário buscar um profissional para analisar a causa e indicar o melhor tratamento, como modificar a alimentação e tomar suplementos de vitamina.

Confira mais dicas de beleza na revista ‘Inspire-se Beleza’

Redação EdiCase

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.