Entenda a importância de proteger a coluna durante a atividade física

Entenda a importância de proteger a coluna durante a atividade física
A coluna é responsável pela sustentação do corpo (Foto: Shutterstock)

É fundamental realizar o treino corretamente para evitar dores e prejuízos à saúde

Por Anath Zagury

Os movimentos do nosso corpo são guiados por uma cadeia de ações de ossos e músculos que devem seguir em equilíbrio, cada qual com sua função, sem sobrecargas para que não haja prejuízos para a saúde.

​> Veja como combater o ganho de peso após os 30 anos​

Por isso, é importante fazer um treino equilibrado, que contemple vários grupos musculares, não apenas pela estética, mas para manter esse equilíbrio anatômico saudável. A coluna, por exemplo, é responsável pela sustentação do corpo e uma das funções dos músculos é estabilizá-la. Diante de uma sobrecarga ou de um treino equivocado, a coluna padece.

Problemas na coluna

No final da coluna vertebral existe um osso chamado sacro, em forma de um triângulo de cabeça para baixo, levemente inclinado. Devido a esse formato, a coluna precisou sofrer alterações também anatômicas para que pudéssemos nos posicionar em .

Se não fossem essas adaptações, seríamos estruturalmente inclinados para frente. Assim, surgiram as curvaturas naturais da coluna, como a lordose lombar. Quando essa curvatura fica acentuada, chamamos de hiperlordose lombar.

Entretanto, não basta observar o aumento da curvatura para que a patologia seja, de fato, diagnosticada, e é por isso que a avaliação fisioterapêutica leva em consideração vários fatores, entre eles, a relação dos quadris e das pernas com a coluna.

Contudo, o comportamento da curvatura lombar durante os movimentos também é importante na identificação de possíveis alterações que levam a desconfortos na região lombar.

> Abdominal hipopressivo: conheça a técnica que ajuda a reduzir medidas

Os músculos e a lombar

A principal função dos músculos é mover os ossos. Uma vez que o sacro é movido, a coluna tende a acompanhar. Por isso, os músculos das pernas e dos quadris são tão importantes estabilizadores da nossa coluna.

É importante treinar diferentes músculos (Foto: Shutterstock)

Quando algum músculo está encurtado, ou muito forte em relação a outro, os movimentos tendem a seguir direções não esperadas, sobrecarregando estruturas e causando dor. Portanto, ao treinar, pense na saúde da sua coluna. Os músculos precisam trabalhar em conjunto para que os movimentos sigam direções corretas, mantendo a curvatura lombar em seu formato natural, sem aumentar nem diminuir.

Aqueles que estiverem encurtados precisarão ser alongados e aqueles que estiverem fracos deverão ser fortalecidos para que haja um equilíbrio estrutural. O resultado será a realização das tarefas do dia a dia com segurança.

Anath Zagury

Fisioterapeuta, especialista em fisioterapia cardiorrespiratória e em traumatologia ortopédica hospitalar e clínica.

Leia mais sobre atividades físicas na revista Músculo + Força

Redação EdiCase

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *