Herança genética: conheça as 6 doenças mais comuns

Herança genética: conheça as 6 doenças mais comuns
Doenças repassadas hereditariamente de pais para filhos (Imagem: Shutterstock)

Veja alguns dos distúrbios transmitidos entre as gerações e que afetam a saúde

Por Tao Consult

Herança genética ou hereditariedade é o processo pelo qual um organismo ou célula adquire ou se torna predisposta a adquirir características semelhantes ao organismo ou célula que o gerou. Além das características físicas, como cor dos olhos e da pele, algumas doenças e distúrbios também estão associados à herança genética. A seguir, veja alguns deles: 

Receba as novidades sobre Saúde e Bem-estar, Astrologia, Beleza, Culinária e muito mais!

> Estude para o Enem: conheça 10 problemas ambientais que afetam o planeta

1. Daltonismo 

O daltonismo causa alterações na percepção de cores, principalmente de tons de azul, verde e vermelho. Ele é provocado pelo gene recessivo d, que está situado no cromossomo X. 

2. Hemofilia 

A hemofilia é uma doença que provoca alterações na coagulação sanguínea, gerando frequentes hemorragias. Ela é determinada pelo gene recessivo h, situado no cromossomo X. 

3. Anemia Falciforme 

A anemia falciforme é caracterizada como um distúrbio que faz com que os glóbulos vermelhos do sangue fiquem deformados. Nesse caso, o portador da anemia herdou de um dos pais o gene para hemoglobina A (normal), e do outro o gene para a hemoglobina S (característica da anemia falciforme).

Ilustração dos glóbulos de sangue
Anemia falciforme pode deformar os glóbulos vermelhos do sangue (Imagem: Shutterstock)

4. Fibrose cística 

A fibrose cística é caracterizada pela produção de suor com alta concentração de sal e de secreções mucosas anormais. Ela pode ser transmitida pelo pai ou pela mãe, mesmo que nenhum dos dois manifestem a doença.

> Guerra Fria: entenda os principais acontecimentos históricos que marcaram essa época

5. Albinismo 

O albinismo é uma anomalia genética na qual ocorre um defeito na produção de melanina (pigmento). Esta anomalia é a causa da ausência total ou parcial da pigmentação da pele, dos olhos e dos cabelos. O albinismo aparece com a combinação dos dois pais portadores do gene recessivo.

6. Cegueira noturna 

A cegueira noturna ou nictalopia é uma condição genética que resulta na dificuldade ou na impossibilidade de enxergar em ambientes escuros. Esse problema é um sintoma de diferentes doenças que acometem o globo ocular. A cegueira noturna pode ser hereditária ou causada por alguma deficiência nutricional. No caso da hereditariedade, ela está relacionada com o cromossomo X.

Prepare-se para o Enem: estude sobre outros conteúdos cobrados nas provas

Redação EdiCase

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.